Whindersson Paris e faz cantar Baby Shark para criança criança que chora show

Incrível é pouco para Whindersson Nunes quando se trata de carinho e empatia. Ele parou o show que fazia em Paris ao perceber que uma criança não parava de chorar.

O humorista pediu para que a plateia da música infantil ‘Baby Shark’ fosse para uma menina Isabela que estava com os pais, inconsolável.

Whitney sobre o tema ou assumiu no Twitter e nos seguidores allegou que senderson comentou da filha dele. Ian Rodrigues, a esposa Mila e a filha, Isabela, o Brasil no início de abril para conhecer o mundo. Atualmente, os três moram na França e pelas redes sociais mandaram uma mensagem de agradecimento a Whindersson. (post abaixo)

Pais agradecem em post

Na conta a mãe de Isabela comentou sobre o ocorrido.

“Faith muito bom o show do Whindersson e Isabela chamou a tenção. Ele cantou Baby shark pra ela e mandou uma galera cantar junto também”, disse no perfil.

Pelo Twitter, Ian justificou o episódio ao humorista e disse que a filha “estava um pouco enjoada com sono”. “Eu sei que situação estava e algumas pessoas na frente da expectativa o Whindersson era reclamando, super chat e deu um show”, escreveu o homem em resposta ao humorista.

Bebês são benvindos no show

Preocupados com outras pessoas, mães e pais evitam espaços de entretenimento comuns enquanto os filhos estão na infância. Whindersson deixou claro que eles não queriam se preocupar com isso no show.

“Não foi nada chato irmão, que isso, todo mundo tem o direito de sair e se distrair, cuidar de bebês de colo não é fácil, mas no meu show vocês não precisam se preocupar em me atrapalhar, pelo contrário, sejam bem -vindos”, pontuou o humorista.

“Já somos fãs dele e vendo humildade com que ele tratou a situação, só gratidão em nosso coração e mais amor. Whindersson você é luz! Obrigada”, escreva os pais na conta do Instagram ao repostarem o vídeo do momento.

Veja a postagem da mãe da Isabela e o vídeo com o momento lindo de #babyshark do humorista demonstrando empatia com os fãs:

Com informações do Correio Braziliense

Leave a Comment

Your email address will not be published.