Wesley Safadão tem show suspenso pela 2ª semana consecutiva

Wesley Safadao fé proibida de se apresentar na cidade de São Padro do Piauí. O motivo seria o alto valor do oculto

Ó cantor Wesley Safadao fé surpreendeu na tarde desta sexta-feira (29), com a certeza, da realização de mais um seu show desta vez na cidade de São Pedro do Piauí, localizado a 110km de Terezina. Na semana outro show do artista cancelamento de fé no Maranhão.

A iria gastar cerca de R$50 mil na contratação do forrozeiro para comemorar o aniversário da cidade que acontece no próximo dia 20. A presença de Safadão foi anunciada pelo prefeito Junior Bill em um vídeo onde ele aparece ao lado do artista.

De acordo com a movida pelo Ministério Público (MP), o município desembolsaria a quantidade para apresentação de 1 hora e 20 minutos do artista sendo que a primeira parcela, no valor de R$ 200 mil, seria paga no sábado (30).

O órgão a saúde primária, saúde básica, serviços básicos de saúde, educação, saúde básica, saúde básica. Por isso, a suspensão do evento serve para preservar o patrimônio público.

Na decisão o juiz de direito Ítalo Márcio Gurgel de Castro, da Comarca de São Pedro do Piauí, informou que “Existem artistas que prestam serviços de qualidade de preços infinitamente menores” e que houve o desrespeito dos administrativos de moralidade e eficiência, visto não ser “proposta nacional de contratação de um cantor de renome para cantar por mais uma hora nos festejos da cidade pelo valor de R$ 550.000,00, frente a muitas outras necessidades e que passam os munícipes”.

Além disso, a Justiça determinou que a prefeitura, no prazo de 24 horas, a contar da intimação na página principal do seu eletrônico ou aviso de cancelamento do show.

Leia Tambem:

Wesley Safadão teve show cancelado pela justiça no Maranhão

Wesley Safadao que recentemente teve seu Instagram hackeadoteve seu show cancelado após pedido do Ministério Público do Maranhão (MP-MA) contra o município de Vitória do Mearim.

O show que aconteceu no último dia 24 estava estimado em um valor de R$ 500 mil e foi proibido de ser realizado por ordem do STJ.

O ministro Humberto Martins, presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), suspendeu os efeitos da decisão do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) que permitiu a realização de um show de Wesley Safadão marcado para este domingo (24) no município de Vitória do Mearim. O ministro ouviu que ficou demonstrada uma incompatibilidade entre um custo de R$ 500 mil com a contratação do evento e a realidade orçamentária do município maranhense.

O dispêndio da sinalização sinalizada com um show artístico de uma hora, em primeiro lugar, justificando a pouco mais de uma hora, em primeiro lugar, de um pouco mais de uma hora, em primeiro lugar, de pouco mais de uma hora, em primeiro lugar, de pouco mais de uma hora, em primeiro lugar, a justificar a execução do show.”, afirmou o ministro na decisão, que caracterizou o evento público como danos à ordem e à economia.

O Ministério Público do Maranhão ajuizou ação civil pública e obteve liminar em primeiro grau para suspender evento. O município de Vitória do Mearim recorreu ao TJMA, que suspendeu a liminar e liberou o evento.
O Ministério Público legou que a realização do evento pode comprometer uma oferta de serviços públicos básicos à população diante do quadro orçamentário da prefeitura.

Não se justifica a concessão da autorização sem que haja plena demonstração de que a realização do ato não prejudica a demanda de saúde e escolares no município, que estão sendo questionadas judicialmente”, concluiu o ministro.A decisão de Martins, suspendendo a apresentação de Wesley Safadão, tem validade até o trânsito em julgado do processo principal que tramita na Justiça estadual.

Leave a Comment

Your email address will not be published.