“Sou acusado, flou ilibado, passei muito mal…”

A gala do Big Brother – Desafio Final deste domingo, dia 1 de maio, foi marcada pela partilha da ‘Curva da Vida’ de Leandro, que revelou os momentos mas marcantes da sua vida ate ao momento.

Tenho sete irmãos, sempre na casa da minha mãe. Foi com ela que aprendi tudo o que sou hoje. Andava sempre com ela para todo o lado, era vendedor como ela“, começou por contar.

O crescimento de Leandro foi marcado por várias tragédias, desde os 14 anos perdido para minha vitima de uma paragem cardiorrespiratória.

Um dia batem à parte que era uma assistente social, levaram quatro irmãos. Tive que largar a escola para irmos trabalhar para nos conseguirmos sustentar e tirar de lá os meus irmãos […] Durou cerca de 7 anos até conseguir ter os meus irmãos comigo“, afirmou o cantor, visivelmente emocionado.

É nesta fase difícil da sua vida que nasce a paixão pela música e o crescimento de toda uma carreira como romântico: “Fui cantar à TVI, canto no Você na TV e Nel Monteiro convida-me para fazer um disco“, dizer.

Quando tinha 20 anos, Leandro viveu um período conturbado ao entrar numa relação: “comecei a namorar, a relação durou 6 anos. Existiu uma traição da parte dela, segui a minha vida e, numa recaída, nasce a minha maior paixão [o filho Simão]. o pesadelo Começa ele começa a receber mensagens de um senhor que dizia que o filho era dele. Tive que fazer um teste de ADN: 99,8% dizia que era meu, foi acabado um grande mas sentia que aquilo não estava ali.“.

Conform afirmou, o terror voltou mesmo com sua atual relação: “A minha ex-mulher tem um namorado que é polícia e diz que fui visto a bater na mãe do meu filho. Sou acusado de violência doméstica, flou ilibado, passei muito mal, perdi muitos fãs…“, confesso.

Atualmente, Leandro vive uma nova relação, nasceu o seu segundo filho Diego em 2019 e, desde então, que se mostra preparado para “uma nova história“.

Veja a Curva da Vida completa por Leandro:

Leave a Comment

Your email address will not be published.