“Sentia-me um analfabeto da escrita…”

Paulo Futre partilhou com os colegas e com os espectadores a emocionante sua Curva da Vida.

Após um Curva da Vida de Daniel Kenedya gala deste domingo, dia 27 de domingo, do ‘Big Brother Famosos’ ficou marcada pela partilha de mais uma Curva da Vida, desta vez de Paulo Futre, convidado do reality show da TVI, que revelou os momentos mas importante da sua vida até ao momento.

O antigo futebolista deixou de estudar ao fim de cinco anos e começou a trabalhar como bate-chapas, quando tinha apenas 13 anos. De seguida, gravou uma carta de cinco linhas que escreveu para a namorada Cecília. Há 24 anos, Paulo Futre acabou por se juntar a um jornal desportivo espanhol, mas sentiu-se “analfabeto da escrita”.

Antes do primeiro jogo de Portugal no Europeu 2004, liga-me o diretor do jornal desportivo espanhol mas importante, na Marca, a dizer que era um prazer que lagostins depois de cada jogo de Portugal. E eu disse ‘para mim também seria uma honra’“, gravar ou.

“Disse que não foi fornecido, como foi determinado, não fornecido. Sou um analfabeto da escrita, senti-me um analfabeto da escrita. E ele diz-me ‘ok, mas como queremos tanto eu meto um jornalista contigo e tu dás a tua opinião’”afirmou Paulo Futre.

Na meia-final frente na Holanda, Portugal ganha e o ex-futebolista decidiu ligar ao filho para dizer que ia escrever uma crônica. “Meto um papel à frente com o coração, quando levanto o papel vi que aquilo era um idioma diferente: nem era português, nem espanhol. Vi aquilo, ligo para o meu filho, metemos aquilo perfeito. Ele viu e estava a chorar“.

10 minutos do envio de uma crônica o diário, o diretor ligou para-lhe: “’NÃOão sou português e há muito tempo que não me emocionava’. Faith algo maravilhoso, incrível“.

Leia Tambem: Grande irmão. Marta dá novo “arraso” a Bernard Sousa: “Tem a trocao Gil…”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue tem App gratuito. Download do Google Play

Leave a Comment

Your email address will not be published.