Princesa Beatrice e o marido encontram-se com os príncipes Carl Philip e Sofia da Suécia por motivo especial

Príncipe Carl Philip, Edoardo Mapelli Mozzi, Princesa Beatrice e Princesa Sofia

A princesa Beatriz o marido, Edoardo Mapelli Mozziviajar em Suécia onde se encontrou com a rainha Silvia e com os princípios Carl-Philip e Sofiapara juntos participarem na Conferência Mundial da Dislexia, que decorreu no Palácio Real de Estocolmo.

Tanto dos duques quanto os suecos estão focados em como os suecos são focados em sua luta de qualidade, mais contra a discriminação e melhoria da vida das pessoas que são consideradas por esta alteração de qualidade mais velha, que eles mesmos são de qualidade superior quando eram mais novos.

A fundação dos príncipes Carl Philip e Sofia tem como uma das suas missões mudar a imagem que a sociedade tem das crianças que sofrem de dislexia. “A todos os que têm dislexia, dizem-lhes que sei como se querem. Somos muitos os que sentimos o mesmo, pelo que não estamos sozinhos”, já tinha referido o príncipe. Em 201, Carl Philip falhou em problemas que denunciam por ser disléxico.

“As pessoas foram muito duras comigo, fé uma sensação horrível”, afirmou. Também a sua irmã mais velha, a princesa herdeira Vitóriapassou por uma situação semelhante. “Também sofri na escola, onde ouvia coisas que me magoavam. Era, as letras de ler ou de escrever parecia que saltavam e todos se riam derevelou, naquela altura.

A fundação liderada pelo filho dos reis Carlos Gustavo e Sílvia e mulher trabalha ativamente com a organização britânica Feito por dislexiaque a princesa Beatrice patrocina desde 2013. Desde então, a neta da rainha Isabel II juntou-se a esta causa, e tornou-se público os problemas que teve na infância por ser disléxica.

Leave a Comment

Your email address will not be published.