Picnik aposta na celebração de encontros e valorizar a cultura do DF

Apresentado por

postado em 18/04/2022 15:36 / atualizado em 20/04/2022 19:14


(crédito: Tomas Faquini)

O PicniKas Brasília sabe bem, é um espaço de celebração dos encontros, valorização da cultura criativa do quadradinho e incentivo ao empreendedorismo local.

Como vitrine de uma economia criativa do coração do Brasil, o projeto também marcas, conecta microempreendedores ao public candango e, neste ano, promove a reoxigenação desse grupo sofrido que tanto com as consequências da pandemia.

“Ainda juntando os cacos pós-covid, por isso a ideia é mostrar o melhor do #feitoembsb, para que fique claro que não precisa ir longe atrás de – bons -s. Já temos o melhor insumo por aqui: as pessoas, suas ideias e projetos.”
Miguel Galvão, criador do PicniK.

As edições contam com diversas atrações e atividades divididas por todos os espaços públicos e divididos por espaços distribuídos por ocupações em áreas emblemáticas de Brasília, como Ermida Dom Bosco, Parque da Cidade, Jardim Botânico, CCBB, Torre de TV, Praça dos Cristais , Torre de TV Digital e Calçadão da Asa Norte, lendário berço do PicniK. O Mercadinho Criativo, espinha dorsal do projeto, valor o conceito “compre de quem faz”, e já chegou a mais de 150 expositores de moda, arte, decoração, plantinhas e produtos orgânicos da capital numa única edição. Marcas tradicionais da cidade iniciaram ouse-se por aqui, como Dane Melancia, as camisetas da queriduão, a famosa colab, o Santo Bataclan com artigos geek, dentre outros.

Um dos elementos que cria uma atmosfera ‘PicniK’, a música, é responsável por conectar cidades com cenário alternativo local, nacional e internacional, promovendo músicos, bem como as bandas autorais e independentes e DJs. Já aos palcos e pistas, sempre pequenos e aconchegantes, sob a curadoria de Ogunda-O (aka The Miguelitos, DJ residente), artistas como Mac Demarco (CAN), Boogarins (GO), Hermeto Pascoal (RN), Otto (SP) ), O Terno (SP), Nickodemus (US), Tom Trago (HOL), Renato Cohen (SP), dentre outros.

Como não pode ativar de ser, um terceiro elemento dessa construção, é a gastronomia, que eventos opções assinadas por casas renomadas, jovens talentosos gastronômicos e foodtrucks, em mais de 40 operações diferentes, além, é claro, de ter uma grande área vegana dos países culturais país (FALA), garantido e atendimento amplo e democrático. Tudo isso para o público pode se reenergizar saudável e equilibrado, com nossa maneira de possuir sim pratos típicos e azeitados que vão bem além do pastel de cana.

Também compõe a energia do encontro a Área de Cura e Área Zenpromovendo diversas atividades e práticas holísticas como yoga, massagem Shiatsu, massagem Barras de Access e Calatonia, Acupuntura, prática de Thetahealing, Quantica Energética e meditação em escolas como CEBB Brasília, Unipaz-DF e A Ponte.

Pensando na interação saudável entre pais, mães e filhos, sempre são pensadas atividades criativas e inusitadas, como o Yoga para crianças e o Sling Dance para mamães e bebês. Alem disso, uma mini arena que apresentou peças de teatro, circense e comédia, abrigando esquetes da cidade como Cia Circênicos, Zepelim de Led, Cia Artetude, Cia da Sorte, dentre outros. Tudo feito com uma energia jovial e solar inerentes aos 10 primeiros anos de vida de qualquer ser/lugar, com toda a pluralidade e energia que se espera dos encontros, superados pela população brasileira.

Legal, nascido?! Então dá uma espiada nos números conquistados por essa iniciativa candanga sem igual, responsável por moldar um novo lifestyle na cidade, que dentre outras coisas, substituiu os abadás pelas cangas no chão!

  • 35 edições no #DF | 5 edições em #Gyn | 1 edição em #SP
  • +500k #circulação pública atendida
  • +4k criativos criativos (diferentes) esperados
  • +R$8MM em volume de negócios gerados
  • +R$10MM reciclados meios
  • +12k #fotos tiradas e compartilhadas no IG pelo público

Leave a Comment

Your email address will not be published.