Maestro Fabio Mechetti quer ‘chacoalhar o público’ no concerto da Savassi – Cultura

Em setembro de 201, a Filarmônica de Minas Gerais9 reuniu cerca de 4 mil pessoas se apresentar na Savassi
(foto: Edésio Ferreira/EM/DA Press/8/9/19)

Must anos e meio depois, a Orquestra Filarmônica de Minas Gerais volta a Savassi, em Belo Horizonte. O concerto deste domingo (1º/5), às 11h00, é a sua primeira apresentação em praça pública desde então. O repertório contará exclusivamente com música brasileira, a começar pelo “Hino Nacional”.

“Como nós estamos comemorando os 200 anos da Independência, acho importante incluir a música brasileira, principalmente aquela com vínculo com o folclórico. Compositores escolares que se influenciam muito pela raiz da música mais popular, como Lorenzo Fernandes, Francisco Mignone e Guerra-Peixe”, disse Fabio Mechetti, regente titular e diretor artístico da Filarmônica.

SEMANA DE 22

A linha mais nacionalista vai ao encontro de outra efeméride, o centenário da Semana de Arte Moderna, que foi a tônica do concerto inaugural da Filarmônica deste ano, na Sala Minas Gerais. Parte do repertório desta manhã já é bem conhecida do público.

Mechetti, no entanto, chama a atenção para peças não usuais em concertos a céu aberto, como as duas do compositor, pianista e regente Alberto Nepomuceno, “O Garatuja: Prelúdio” e “Batuque”. “Existe repertório que não funciona em ambiente aberto. Então, foram efetivadas para esse tipo de escolhas locais São mais otimistas, animados, para este momento da COVID.”

Tanto para o público quanto para os músicos, tocar repertório clássico ao ar livre é “outra experiência”, acreditado o maestro. “Do ponto de vista acústico, logicamente não é o ideal. Mas é ótima oportunidade para a orquestra levar a música sinfonica para um público diversificado, gente que não teve oportunidade de ver a orquestra ainda. Ao mesmo tempo que introduzimos boa música, a comunidade o apoio que devolve.”

O concerto deste Dia do Trabalhador será o primeiro da nova temporada ao ar livre, garante Mechetti. “Esperamos que seja retomada a programação da Filarmônica em praças no inverno”. Como os dados não foram fechados, mas já estão programadas apresentações em Congonhas, Divinópolis e Itabirito, em julho, e Paracatu, Araxá e Betim, em agosto.

”Do ponto de vista acústico, logicamente não é o ideal. Mas é ótima oportunidade para a orquestra levar a música sinfonica para um público diversificado, gente que não teve oportunidade de ver a orquestra ainda”

Fabio Mechetti, maestro

ALFABETO

O próximo concerto na Sala Minas Gerais voltado para o programa de 7 de maio, com apresentação “Fora de serie”, sob a regência de Mechetti. Sempre realizado no final da tarde dos sábados, os concertos foram concebidos a partir das letras do alfabeto. Cada apresentação ou repertório do grupo de compositores de uma reunião privilegiada de letras.

O programa começa com “Sonata pian’ e forte”, do italiano Giovanni Gabrieli. Compositor e organista, fé um dos músicos mas influente da chamada Escola Veneziana no século 16, período em que Veneza era o maior centro comercial do mundo.

A sequência será interpretada em “Suíte Holberg”, de Edvard Grieg, compositor principal escandinavo do século 19. Por Haydn, que com Mozart e Beethoven personificados na “Trindade Clássica Vienense”, fé escolhida na “Sinfonia nº 100”. O encerramento se dará com “Fragmentos turcos”, do russo Mikhail Ippolitov-Ivanov.

FILARMÔNICA NA PRAÇA

Neste domingo (1º/5), às 11h, na Praça da Savassi. Entrada franca.

REPERTÓRIO

>> Hino Nacional Brasileiro Por Francisco Manoel da Silva

>> O Garatuja: Prelúdio Por Alberto Nepomuceno

>> Batuque Por Alberto Nepomuceno

>> Tiradentes: Prelúdio do 3º ato Por Eleazar de Carvalho

>> Congada, dança afro-brasileira Por Francisco Mignone

>> Ponteio Por Gilberto Mendes

>> Mourão De Guerra-Peixe

>> Batuque Por Lourenço Fernández

>> Foco: Sinfonia de Carlos Gomes

>> O Guarani: Protofonia de Carlos Gomes

FILARMÔNICA NA PRAÇA

Neste domingo (1º/5), às 11h, na Praça da Savassi. Entrada franca.

Leave a Comment

Your email address will not be published.