Dina Guedes quebrou o silêncio após a saída de “Casados”. “Relive isto ainda dói, ainda custa” – Celebridades

Dina Guedes participou numa terceira temporada de “Casados ​​à Primeira Vista”, uma experiência social da SIC que junta desconhecidos no altar. No entanto, na emissão deste domingo (24) do programa, a educadora de infância decidiu colocar um ponto final na experiência. Esta terça-feira (26), falou pela primeira vez sobre o que se passou.

A educação de 33 anos correu mal com Tiago Jaqueta, natural de Sesimbra, mas a relação não bem. Com uma traicao pelo meio, da parte do atleta de 32 anos, o casamento acabou por chegar ao fim, sendo que escolher pelo divórcio. Dina Guedes esteve no programa “Júlia” para contar a sua versão da história.

Num programa dedicado à violência psicológica e aos relaxamentos amorosos tóxicos, Dina Faith a última entrevistada. “Vamos ouvir, pela primeira vez, ou que é que ela sensu pendentee a polémica participação em ‘Casados ​​a Primeira Vista'”, anunciou Júlia Pinheiro. Atualmente a trabalhar como técnica administrativa, Dina garantiu que “queria muito” que a premissa do programa resulta.

“Acreditei mesmo. Depositei muito”, frisou, referindo-se a fé que tinha nos especialistas como meio para encontrar o príncipe encantado, o amor. Dina vem a chorar ao ver as imagens do casamento com Tiago Jaqueta, momento queçou “lindo” e “mágico”. “Não parecíamos owe estranhos”, garantiu, embora o fosse.

Dina Guedes acredita que “tinha tudo para correr bem” no casamento que sempre levou “muito a sério”. No entanto, não temos o que fazer. “Nunca esperei para este Júlia mesmo”, diz. Foram “muitas” as vezes em que Dina se sentiu “desrespeitada”.

“Não tem o mínimo de respeito por mim. Eu senti-me abandonado”

Dina e Tiago foram em lua de mel para Cabo Verde, mas, ao contrário do esperado, foi o início do fim. A bracarense sentiu-se “desconfortável” devido ao frio que estava no país e às câmaras que a companhavam, mas Tiago apenas a “picava”. “Começou a ficar distante de mim”, afirmou, deixando-se sentir segura.

Numa das noites da lua mel, Tiago Jaqueta de cálculo, uma Anna Cherepanova russo com quem acabaria por trair a mulher com quem casou no programa da SIC. Contudo, de acordo com Dina, Tiago não contava a verdade. Dizia-lhe ter estado a “desabafar” com esta nova amiga.

“Foi uma conversa na base do respeito? Não passou disso?”, terá questionado Dina, ouvindo um “sim” de volta de todas as vezes. O atleta trocava várias mensagens com Anna, algo que Dina estranhava. “Eu só que vamos programa-o”. “E eu acredito”.

Dina terá conhecido individualmente no quarto numa noite em Tiago saiu da cama sem que “as coisas começam a descambar”. “Eu entrei em pânico, porque fiquei sozinha. Não tem o mínimo de respeito por mim. Eu senti-me considerado”, considerou.

“Aquilo que aconteceu na lua de mel foi duro de suportar, mas eu achei que as coisas iriam melhorar”, assegurou. Quanto à relação com Anna, diz que não fez “daquilo um drama”, porque “fé só uma conversa”. Mas a não acabaria aqui. “Continua a mentir-me e manter contato com outra pessoa”.

“Ela foi-me dizendo que eles nunca foram só amigos. É assim que eu descubro a traição”

De Volta para Portugal, Dina encontrou uma cuecas vermelhas na mochila de Tiago, que alegou que seriem de uma antiga namorada. Porém, ao falar com Anna Cherepanova pelos sociais, Dina ficou ciente de que esta era a verdadeira verdadeira com as redes da lingerie. “Ela foi-me dizendo que eles nunca foram só amigos. É assim que eu descubro a traição”.

“As vezes, a lavagem cerebral era tão grande que acabava por acreditar em tudo”, explicou Júlia Pinheiro. Dina não confrontou Tiago com esta questão em privado. Fê-lo, em vez disso, Durante a última gala (24). “Eu tinha sido tão exposto, tão humilhado. Se eu falasse em privado com o Tiago, ele ia dementir tudo e o problema ia continuar a ser meu, os meus fantasmas, a minha bagagem”justificação ou.

Tiago Jaqueta acusou Dina o ter usado quando se é considerado de forma fisicamente. “O Tiago tinha que me atacar muito por todos os lados, então atacou de forma baixa. Admitiu que quis appalpar o terreno antes de decidir se iria ter relações sexuais com Tiago, mas algo sempre foi considerado. “Eu estava de segurança. Precisava de perceber que aquela mesma intenção que eu”.

Estas situações culminaram no pedido e, porteiro, na saída do reality show da SIC. Depois distorção, segundo Dina, Tiago bloqueado ou ex-mulher nas redes sociais. “Ficou chateado comigo, muito ofendido, e disse que nunca me perdoaria isto que eu lhe fiz”contorno.

Neste momento, já desbloqueou, sendo que chegamos a trocar “algu palavras”, mas Dina não esconde que “é sempre muito complicado ter uma conversa com o Tiago”. De momento, não se falam. “Não quer nada com ele?”, Ifá-lhe Júlia. “Não”, respondeu, de imediato, Dina.

“Eu não tenho um pedido de desculpa, que acho que era o mínimo que eu merecia”

Dina admitiu sentir-se magoada com tudo o que vai vendo e descobrindo. “Eu não tenho um pedido de desculpa, que acho que era o mínimo que eu merecia”, explicitou. “Fui sempre muito transparente, semper mostrei as minhas intenções”, defende, assegurando que aceitaria se Tiago lhe tivesse tido que se apaixonou por outra. “Não condeno isso”.

O problema foi a falta de sinceridade constante. “Eu era um meio para o Tiago atingir um fim”, disparou Dina. Ah fim? “É fama, é o aparecer, é o mediatismo”. Para a técnica administrativa, o objetivo de Tiago Jaqueta semper foi tornar-se famoso para poder evoluir em termos profissionais.

“Voltava para registrar?”, perguntou Júlia. “Não, de tudo”, respondeu a um ex-concorrente, que agora acha que “Casados ​​à Primeira Vista” é “um programa de televisão e não um programa para encontrar o amor”. Mesmo com a tentativa de Tiago para que Dina o perdoasse (como ida a Braga em que foi “mostrar que estava arrependido e aquilo que tinha algo que não tinha acesso de uma amizade”), a relação não tinha futuro.

Na próxima quinta-feira (28), Tiago Jaqueta sentar-se-á em frente a Júlia Pinheiro para contar tudo através da perspectiva própria. Dina Guedes causa que “reviver isto ainda dói, ainda custa”, porque “fé muito duro”. A bracarense agradece o apoio dos familiares (que também “achavam mesmo que ia correr bem”) e também dos espectadores.

Leave a Comment

Your email address will not be published.