de Francis Bacon com papa exibindo Quadro pela primeira vez – Cultura

Um quadro de Francis Bacon de um papa gritando, considerado o primeiro de uma série de representações de papais do artista, entre a exibição em Londres nesta terça-feira, 15, a primeira vez que a obra de arte foi exposta ao público.

O artista de Dublin criou a pintura, como conhecida Paisagem com Papa/Ditador (Paisagem com Papa/Ditador) em 1946, quando vivia em Mônaco.

Ele mostra uma pessoa em imagem borrão, com a boca aberta tradicional, o chapéu dos padres católicos, e camisa e gravata, comum aos políticos. Um microfone está à sua frente, com flores abaixo.

Na galeria de arte Gagos, que é prêmio na galeria Davies Street em Londres, diz que é “primeiro tratamento de Bacon da imagem papal”.

“Aqui temos uma espécie de figura híbrida de um tipo de imagem papal cleriga, mas ao mesmo tempo, vestida com gravata e terno seculares”, disse o diretor e curador da galeria Gagosian, Richard Calvocoressi.

“Então a soluções dessas figuras de autoridade de um lado o papa, do outro lado, o ditador, a figura autoritária, é algo que ele buscou e seguiu… 20 anos, voltando por mais essa ideia.”

A pintura foi recentemente desenterrada quando o historiador da arte britânica e curador Martin Harrison compilou um catálogo do trabalho de Bacon. A lista fé publicada em 2016.

A obra será exibida em 23 de abril.

Leave a Comment

Your email address will not be published.