Corey Taylor volta Slipknot vai se voltar contra Kanye West para este ter lançado um álbum num aparelho que custa quase 200 euros

Corey Taylor, líder do Slipknot, crítico ou contundente Kanye West por sua disponibilidade em seu novo álbum, “Donda 2”, exclusivamente com seu próprio aplicativo de áudio de música, ou Stem Player.

Em entrevista à edição britânica do jornal “Metro”, Taylor deixou críticas não só ao aparelho, que aos fãs retransmissão as canções de “Donda 2”, como o preço do mesmo, que cifra nos 200 dólares, quase 200 euros.

“É como lancer todas as partes de um carro e enviá-las para as casas das pessoas a dizer: têm aqui um carro de borla, mas têm de aprender montá-lo”, explicado, “estás a partir do princípio que o público tem acesso à mesma tecnologia que tu, mas é um perfeito anormal. Não é assim que funciona. E o fato de se achar que isso é uma ideia esperta só mostra o quão doido ele está”.

“Quando tens muito dinheiro e uma série de gente à tua volta a dizer-te o queres ouvir, a tua noção de realidade vai com os porcos.”, continua, “as pessoas não conseguem pagar as suas rendas, caramba. Isto não está certo. É só rídículo”.

Ainda que o Stem Player tenha sido elogiado por uma indústria musical franja, já que os lucros obtidos vão diretamente para o artista, Corey rejeitou tais argumentos. “As pessoas veem o Kanye como um gênio. Ele tem é de ganhar, que meta [a música] em CDs e às pessoas. Que a distribuída de uma forma que as pessoas possam ouvir”, rematou.

Leave a Comment

Your email address will not be published.